Em uma postagem anterior de nosso blog do Canvas, nossa pesquisa identificou uma conexão entre o uso de vídeo em cursos de grande escala na educação superior e taxas de conclusão do curso. (Se você ainda não leu a postagem, sugerimos que você faça uma pausa e vá leia aqui). Agora, nós mostraremos a você o que aprendemos sobre conectividade social e o comprometimento do aluno na medida em que exploramos essa conexão.

TIPO DE CURSO

Primeiro questionamos se o impacto do vídeo na desistência foi específico a cursos 100% online ou híbridos. Nossos cientistas de dados criaram um modelo de machine learning que dividiu os cursos de educação superior entre estes dois tipos de curso. Nós focamos em cursos de tamanho médio (10-50 alunos) e de tamanho grande (150+ alunos).

Portguese graphic Cursos con Video

Nos cursos de tamanho médio, o efeito do uso de vídeos foi o mesmo independentemente do tipo de curso: insignificante (d = 0,11 para ambos). Com classes maiores, o vídeo teve um impacto médio em cursos híbridos (d = 0,64) e um impacto pequeno em cursos totalmente online (d = 0,23).

CONECTIVIDADE SOCIAL

Os dois tipos de curso experimentaram o mesmo efeito, então decidimos verificar a conectividade social como uma possível explicação. Em classes pequenas, os alunos têm muitas oportunidades de se conectar com seus professores e outros alunos presencialmente. No entanto, à medida em que a classe aumenta, as oportunidades de se conectarem diminuem. Borup, West, e Graham (2012) descobriram que o vídeo pode aumentar a sensação de humanidade e diminuir a sensação de distância online. "Muitos alunos [sentiram] que a comunicação baseada em vídeo fez com seus instrutores parecerem mais reais, presentes e familiares...". 

Talvez classes maiores possam usar vídeo para compensar sua natureza aparentemente impessoal. Mas apenas o vídeo obtém uma sensação de conectividade social? Ou todas as atividades de um LMS fazem isso?

ESFORÇO DO INSTRUTOR = BOM. VÍDEO = BOM.

Nós executamos um modelo de regressão linear em nosso conjunto de dados referente aos maiores cursos, para ver se as atividades no LMS aumentaram a conectividade social, e descobrimos que instrutores que usam o recursos de vídeo também tendem a usar mais recursos da plataforma. Esses cursos tiveram taxas de menores de evasão. Então, sim, o esforço do instrutor conta (duh).

Posteriormente, deixamos de lado todas as demais atividades de um LMS para focar especificamente no efeito com o uso de vídeos. Ao controlar as variáveis, nosso modelo ainda demonstrou uma taxa de evasão de cursos com vídeo 5,8 %  menor do que a taxa de desistência de cursos sem vídeo (p < 0,001). Isso significa que, sim, o vídeo tem um impacto positivo.

CONCLUSÃO

Estudos recentes demonstram que ainda há progresso a se fazer na área de comprometimento do aluno. A pesquisa de 2013 de WICHE descobriu taxas de desistência de 19 % para cursos presenciais e 22 % para cursos online. Enquanto isso representa melhoria nos resultados dos cursos online comparados a estudos anteriores, o problema continua.

Na Instructure, nós queremos criar uma tecnologia que aumente não apoie apenas o acesso do aluno, mas também o seu sucesso. A comparação de vídeo e taxas de abandono revelaram uma oportunidade para fazer exatamente isso. 

Nossa análise ressalta a importância do fator humano — e os esforços dos instrutores em motivar dos alunos durante os cursos têm um impacto real na retenção. Enquanto muitas atividades de LMS se correlacionam a taxas de conclusão de curso mais altas, a correlação do vídeo foi particularmente mais forte. Resumindo, quando se trata da construção dos tipos de cursos que mantêm os alunos comprometidos na classe, o vídeo é um recurso muito efetivo

Para obter mais informações sobre o vídeo no LMS, verifique nosso infográfico no tópico.

 

Siga aprendendo,

Jared Stein e David Dean
Equipe de Estratégia e Pesquisa

 

Experimente a Versão Gratuita do Canvas por tempo ilimitado e veja como ele facilita o ensino e o aprendizado. Visite: www.canvaslms.com/brasil e faça seu cadastro para utilizar o Canvas, LMS aberto e com integrações que o auxiliam na sala de aula.